Twitter Facebook Linkedin
Home » Notícias » Mega Polo prevê aumentar as vendas em 10%

Mega Polo prevê aumentar as vendas em 10%

O Mega Polo Moda pretende aumentar as vendas de final de ano em 10% sobre o mesmo período do ano passado, a despeito da economia combalida. Para atingir a meta, o centro atacadista do Brás, que completa 13 anos em 2018, lança mão de alguns recursos neste último trimestre. No dia 15, começa a campanha Celebrate com o sorteio de dois carros e, pela primeira vez, de vale-compras por um ano, no valor de R$ 5 mil, R$ 3 mil e R$ 1 mil por mês bancados pelo Mega Polo, conta Milly Barranco, gerente de marketing do empreendimento.

Os cupons serão sorteados em 15 de janeiro. O sorteio começa pelos dois carros, o novo modelo Yaris da Toyota. Em seguida, saem os três vale-compras. Participam lojistas que comprarem acima de R$ 3 mil nesse período. Eles receberão cupons para preencher e colocar na urna. Milly reconhece que 2018 foi um ano difícil, “de muitos desafios que enfrentamos mantendo o ritmo das ações com foco nos clientes”.

SHOPPING DE GOIÂNIA

Foi também um ano de expansão, com a inauguração do Mega Polo Moda Goiânia no final de setembro, para aproveitar o movimento para o final de ano. É a primeira filial do empreendimento, erguida em parceria com dois sócios – a EPM Participações e a Terral Shopping Centers – em investimento avaliado em R$ 70 milhões. Localizado na Avenida Bernardo Sayão, setor Fama, o novo centro de compras de Goiânia tem o perfil exclusivo de atacadista, sem atendimento direto ao consumidor.

Abriu com cerca de 70 marcas em operação, mas, expansões já estão previstas no projeto. A expectativa é concluir com uma estrutura para 289 lojas, distribuídas em um único andar térreo. Foi erguido em área de 22 mil metros quadrados, para acomodar estacionamento de carros e ônibus, além de hotel com capacidade para 122 leitos.

MPMSTORE, O MARKETPLACE DO MEGA

Outra iniciativa já em curso desde agosto, mas que deverá ganhar ritmo mais acelerado no primeiro trimestre de 2019 é o marketplace do Mega Polo Moda, batizado de MPMStore, conta a gerente. Atualmente, o ecommerce tem nove lojas, como Lemier e Equus. A seleção de peças e preços, controle de estoque são atribuições de operação das marcas. Já a entrega das mercadorias para as multimarcas é de responsabilidade do Mega.

Para Milly, o marketplace deverá ser forte canal para compras de reposição. Hoje boa parte das vendas dessa natureza são feitas de forma informal pelo celular, usando WhatsApp. “Mas os lojistas estão saturados e já começam a selecionar as marcas para as quais vão informar o número do celular”, observa a executiva.

Fonte: GBLJeans