Twitter Facebook Linkedin
Home » Notícias » Cacau Show abre primeira megastore em shopping de SP

Cacau Show abre primeira megastore em shopping de SP

Alexandre Costa, fundador e presidente da Cacau Show, não parece se preocupar com o dólar nas alturas, o Brasil em plena indefinição política e nem com os 13 milhões de desempregados. O ousado empresário cortou, na noite de ontem, o laço daquela que é a maior loja de chocolates da América Latina em operação dentro de um shopping. Com 450 metros quadrados, 30 funcionários, meio milhão de reais em ativos comestíveis e R$ 1,2 milhão investidos no projeto, Alexandre Costa abre ao público, na quinta-feira, a segunda megastore da Cacau Show.

Ela fica no piso térreo do Morumbi Shopping (SP), endereço bem servido por outras marcas como Kopenhagen, Lindt e Ofner. A expectativa do empresário é que ela atraia por volta de 200 mil pessoas por ano. Embora o chocolate seja o grande atrativo da loja gigante, o café deverá se posicionar como um grande impulsionador da receita. A base, vale contar, é Nespresso e há um bom cardápio de bebidas quentes e frias, além de sanduíches e sobremesas.

Só em termos comparativos, montar uma “loja normal” da Cacau Show custa por volta de R$ 300 mil. Quando questionado sobre as chances reais de sucesso do novo negócio, Alexandre Costa responde que, como empreendedor, ele tem que acreditar. Como referência, ele tem a primeira unidade da marca nesse formato.

A primeira megastore da Cacau Show foi inaugurada no ano passado, no complexo da nova fábrica em Itapevi (SP), e tem dois mil metros quadrados, o que lhe rendeu o título de maior megastore de chocolates da América Latina. Dada sua proposta e tamanho, ela já virou atração entre os turistas e recebe inúmeros visitantes aos finais de semana. “Ela já está faturando R$ 12 milhões por ano”, revela Alexandre Costa.

PRAZERICES esteve na festa de inauguração, realizada na noite de ontem, e a primeira impressão ao pisar na varejista que combina loja de chocolates, Brigaderia (nome da marca de brigadeiros cujo controle Costa adquiriu em 2013), sorveteria, café, área para cursos, dentre alas e mais alas abarrotadas de chocolate, é a de adentrar uma espécie de ‘Toys “R” Us do chocolate’. A outrora varejista de brinquedos americana, que chegou a ter mais de 1,5 mil lojas, não existe mais. O conceito foi citado apenas como referência.

Chamam atenção, além do projeto arquitetônico e da decoração da megastore de Alexandre Costa, as sobremesas, os sanduíches (alguns até com pão com nibs de cacau) e, claro, os totens de auto-atendimento para fazer o pedido e pagar. Em uma grande tela de touch screen, você escolhe seu pedido, insere a comanda para leitura que envia o pedido para a cozinha e, ao final, coloca o cartão para pagar.

Já existe uma terceira megastore da Cacau Show prevista? “Hoje não, mas amanhã quem sabe… risos”, brinca Alexandre Costa em papo com o PRAZERICES. A loja gigante da Cacau Show no Morumbi Shopping abre quinta-feira ao público

Fonte: Prazerices