Twitter Facebook Linkedin
Home » Notícias » Vendas na Black Friday geram otimismo para o varejo

Vendas na Black Friday geram otimismo para o varejo

Estudo da SBVC mostra que brasileiros pretendem gastar 25% mais na Black Friday deste ano, mas anteciparão menos compras de Natal

Por Renato Müller

O consumidor brasileiro está animado para a Black Friday deste ano: 84% dos entrevistados na 4ª edição do estudo “Black Friday no varejo brasileiro”, desenvolvido pela SBVC em parceria com a Offerwise, pretendem gastar mais nesta semana do que no mesmo período do ano passado. A intenção de gasto médio é de R$ 2.310,40, 25% mais do que há 12 meses.

Ao contrário do que aconteceu no ano passado, em que a maioria das compras de Natal (52%) foi antecipada na Black Friday, em 2021 apenas 35% da lista de Natal deverá ser resolvida ao longo desta semana. “Isso mostra que deveremos ter um fim de ano aquecido”, afirma Eduardo Terra, presidente da SBVC.

“O estudo reflete de forma bem precisa o calor do momento atual, pois as entrevistas com os clientes foram feitas há apenas duas semanas”, diz Terra. Em sua visão, a forte intenção de compra dos consumidores é uma excelente notícia para os varejistas que estiverem preparados. “Neste ano a cadeia de suprimentos passou por grandes desafios. O varejista que tem produto, está estocado e tem seu time preparado com certeza vai vender na Black Friday, porque o consumidor está disposto a comprar”, analisa.

O estudo também mostra que a Black Friday é uma data de compras planejadas: 97% se planejaram e 96% pesquisam produtos e preços antes de efetivar a compra. A maioria das compras está destinada ao uso próprio e a preferência dos consumidores é por Eletrônicos (68%), Vestuário (61%) e Eletrodomésticos (47%).

Para Eduardo Terra, a Black Friday deste ano será diferente. “Temos um consumidor com uma intenção maior de compra e um novo varejo que utiliza diversas ferramentas digitais para atrair o seu público. Isso gera um novo cenário competitivo e aumenta as expectativas dos consumidores”, analisa.

A 4ª edição do estudo “Black Friday no varejo brasileiro” entrevistou 600 consumidores em todo o País e teve como objetivo quantificar aspectos relacionados aos hábitos de compra, intenção de compra e opiniões em relação a Black Friday, visando entender o impacto dessa data para o varejo brasileiro.

O estudo completo, com todos os detalhes do comportamento do consumidor na principal data do varejo online brasileiro, está disponível no site da SBVC.

Fonte: SBVC