Twitter Facebook Linkedin
Home » Notícias » Madero engrossa lista de empresas que desistiram de IPO em 2022

Madero engrossa lista de empresas que desistiram de IPO em 2022

O Grupo Madero diz que a meta é realizar um IPO assim que o mercado de capitais apresentar condições para a realização de uma operação nos parâmetros que a companhia entender adequados

Por Lucas Mombana

Em meio a condições consideradas desfavoráveis de mercado, a rede de restaurantes Madero e a empresa de segurança digital ISH Tecnologia informaram à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) na segunda-feira (24) que desistiram de fazer a abertura de capital (IPO, na sigla em inglês) na Bolsa de Valores brasileira, a B3.

As duas se somam a outras dez empresas que também já haviam cancelado os planos de lançarem ações no mercado apenas em 2022, como Dori Alimentos, Coty e Cencosud.

“O ambiente tem ficado bastante ruim para essas ofertas de ações e espero que este ano tenhamos muito menos IPOs quando comparado com os anos anteriores, dado que a volatilidade tanto do ponto de vista doméstico como externo deverá ser bem maior”, diz Rodrigo Crespi, analista de mercado da Guide Investimentos.

Dados da Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) apontam que as ofertas de ações movimentaram cerca de R$ 128 bilhões no ano passado, crescimento de 10,1% na comparação com 2020.

“A gente pode ter um ano mais desafiador, porque logicamente um juro de 12% é diferente de um juro de 2%, então isso vai ter impacto do ponto de vista de Bolsa, de renda fixa, com realocação do portfólio”, assinalou José Laloni, diretor da Anbima, durante coletiva no início do mês.

Além dos riscos fiscais e referentes à incerteza política por conta das eleições no âmbito doméstico, na esfera global, o início da alta de juros pelo Federal Reserve (banco central dos Estados Unidos) traz um risco adicional para os mercados globais de modo geral, afirma o analista da Guide.

Crespi acrescenta ainda que riscos geopolíticos, como os atuais envolvendo a Rússia e a Ucrânia, também acabam pesando negativamente para o humor dos investidores de forma geral.

“Todo esse cenário mais conturbado faz com que o interesse dos investidores por ofertas de ações diminua bastante e, portanto, a janela para IPOs deve ser bem mais complicada”, afirma o analista.

No caso do Grupo Madero, ainda em meados de novembro do ano passado, a companhia já havia optado por adiar a oferta de ações na Bolsa no aguardo de condições mais favoráveis de mercado. A oferta foi registrada pela dona das cadeias de restaurantes Madero e Jeronimo no início de agosto.

“O Grupo Madero em seu plano estratégico, possui a meta de realizar um IPO assim que o mercado de capitais apresentar condições para a realização de uma operação nos parâmetros que a companhia entender adequados, o que, combinado com a retomada da normalidade das operações com consequente reflexo no Ebitda, impactará substancialmente na estrutura de capital da empresa”, disse o grupo, na divulgação do balanço de resultados do terceiro trimestre de 2021 —no acumulado do ano passado, até setembro, o grupo teve prejuízo de R$ 115 milhões.

A dívida líquida da companhia totalizou R$ 981,1 milhões em setembro de 2021, aumento de 80,5% na comparação anual, ocasionado pela necessidade de suportar as operações durante o repique da pandemia de coronavírus e pela estratégia de expansão do negócio.

A empresa também anunciou no final do ano passado um aporte de R$ 300 milhões da empresa de private equity Carlyle Group.

Com sede no Paraná e cerca de 250 unidades pelo país, o Madero foi fundado em 2005 pelo empresário Luiz Durski Junior. Em março de 2020, Durski Junior se envolveu em uma polêmica após ter afirmado que as consequências econômicas do isolamento social seriam piores do que as mortes causadas pela Covid-19.

*

CONFIRA AS 12 EMPRESAS QUE CANCELARAM O IPO EM 2022 ATÉ AGORA

1 – Ammo Varejo

06.jan.2022

2 – Dori Alimentos

06.jan.2022

3 – Environmental ESG Participações

06.jan.2022

4 – Monte Rodovias

06.jan.2022

5 – Vero

10.jan.2022

6 – Claranet Technology

13.jan.2022

7 – Cencosud Brasil Comercial

14.jan.2022

8 – Coty Brasil Comércio

17.jan.2022

9 – Cantu Store

18.jan.2022

10 – Fulwood

18.jan.2022

11 – ISH Tecnologia

24.jan.2022

12 – Madero Indústria e Comércio

Fonte: Yahoo