Twitter Facebook Linkedin
Home » Notícias » No pós-pandemia, shoppers continuarão valorizando comércio local

No pós-pandemia, shoppers continuarão valorizando comércio local

Um dos impactos da pandemia no mercado foi a valorização do comércio local. Fernando Gibotti, CEO da GS Ciência do Consumo, especializada em estudos sobre o varejo, acredita que este hábito deve permanecer após o período da crise do Coronavírus. “Este comportamento já vinha sendo observado há alguns anos. Hoje, os consumidores preferem lojas de bairro, que são menores e oferecem conforto e conveniência. Há uma exceção, que é o cash & carry. Este canal, mesmo não tendo foco em serviços, também ganhou espaço no mercado, devido aos preços praticados. Mas, passada a pandemia, as pessoas vão valorizar ainda mais as bandeiras de vizinhança”, analisa o CEO, em entrevista exclusiva ao Jornal Giro News.

Empresas Manterão Delivery
Para Gibotti, houve uma mudança no pensamento dos empresários durante a pandemia. “Antes, os dados eram vistos como um processo custoso. Agora, as empresas entenderam que eles são estratégicos.” A GS realizou, em abril, um estudo sobre os hábitos que ficarão no “pós-Covid-19”. Após a normalização, 31,6% dos empresários pretendem continuar oferecendo delivery, 26,3% vão manter a higienização e 10,5% planejam dar sequência ao e-commerce. “Também monitoramos 25 milhões de compras do varejo brasileiro, que aumentou o faturamento em 25% em abril, na comparação anual. Observamos que os clientes fidelizados foram responsáveis por 27% desse aumento e incrementaram em 19% o ticket médio”, explica o CEO.

CRM Estreita Relações
Segundo ele, as redes regionais têm contato muito próximo com clientes e, neste momento, o Gerenciamento de Relacionamento com o Cliente (CRM) ajuda a manter esta proximidade. “Antes, o único benefício oferecido pelos varejistas era o desconto, mas, para isso, é preciso diminuir a margem de lucro. A melhor forma de criar vínculo com o consumidor é gerar conteúdo útil e experiências”, ressalta. Tais iniciativas incluem materiais informativos, como dicas de higienização, e eventos personalizados para públicos específicos ou oferecimento de produtos para degustação, por exemplo. De acordo com Gibotti, os próximos projetos da GS são voltados ao aprimoramento do ZoomBox, plataforma de identificação, análise, comunicação e ativação de shoppers.

Fonte: GiroNews