Twitter Facebook Linkedin
Home » Notícias » ‘Não esperava desaceleração tão brusca em 2015. E 2016 vai ser tão difícil quanto’

‘Não esperava desaceleração tão brusca em 2015. E 2016 vai ser tão difícil quanto’